Atletas começam a chegar para o mundial de surf em Itacaré

Atletas da elite do surf mundial já começam a chegar a Itacaré para o Itacaré Sound Festival que acontecerá na Praia da Tiririca entre os dias 26 a 29 de outubro. Até o próximo domingo Itacaré vai se transformar na capital internacional do surf, com alguns dos melhores surfistas do mundo, em busca dos 1500 pontos no ranking de acesso do Qualifying Series. E como a cidade vai sediar a penúltima etapa do mundial de surf 2017, há a possibilidade de que o grande campeão do QS Masculino seja confirmado nas ondas de Itacaré. Entre os cabeças de chave do Itacaré Surf & Sound Festival estão o catarinense Alejo Muniz e o paulista Alex Ribeiro, ambos ex-integrantes da elite no ano passado e que buscam a volta ao Tour.

Paralelo ao mundial estará sendo realizado o Itacaré Surf Sound Festival que acontecerá nos dias 27 e 27 na Praia do Rezende. De acordo com a programação, na sexta-feira, dia 27, estarão se apresentando as bandas ConeCrew, do Rio de janeiro, e Maskavo, de Brasília e São Paulo, além de Marlon Moreira e DJ Banzai. No sábado, dia 28, será a vez das bandas Bruta Raça e Rael da Rima, Fábrica de Sons, Banda Kasa 8 e o DJ Banzai. Os ingressos estarão à venda no Pé de Amêndoa e na loja South to South, em Itacaré, e na nas lojas da Back Door, em Ilhéus e Itabuna.

E para garantir a segurança dos itacareenses e turistas durante todo o evento, o comandante da 72ª Companhia Independente da Polícia Militar, Major Hosanah, elaborou um esquema que contará com aumento do efetivo e estratégias de policiamento. O local vai contar ainda com seguranças contratados pela organização do evento, aumento do efetivo de salva-vidas, além de um posto médico para o atendimento dos atletas e do público em geral.

A estrutura para a realização do mundial de Surf QS 1.500 masculino e do Itacaré Surf Sound Festival, já está praticamente pronta. Uma grande estrutura de palco está sendo montada para transmitir o evento ao vivo para todo o mundo e ainda de espaços para exposições ecológicas, atrações folclóricas, espaços para os atletas, imprensa, premiação, postos de salva-vidas e área para o público. E na praia do Resende está sendo montada uma estrutura para a realização dos shows musicais.

Realizado pela World Surf League (WSL) e pela Prefeitura Municipal, a etapa do mundial de surf de Itacaré vai distribui US$ 20 mil em prêmios e vai colocar mais uma vez a cidade como uma referência internacional do esporte. E como o grande diferencial será o alerta para a preservação ambiental, durante o mundial entidades como o Recicla Itacaré, Instituto Floresta Viva, Instituto Baleia Jubarte e Associação de Surf de Itacaré, em parceria com as secretarias de Meio Ambiente e Educação, estarão desenvolvendo ações educativas com estudantes das redes públicas e particulares e os próprios participantes do evento, mostrando a importância da preservação do meio ambiente, com palestras, atividades de coletas, exposições artísticas e plantio de mudas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *