Acusado de tentativa de homicídio esclarece fatos e envia nota para nosso site

O senhor Roberto V Todorovic e sua esposa Cristiane Santiago, enviaram uma nota de repúdio as acusações sofridas pelo jovem Alexis Castel, e relata 09 registros de Boletim de Ocorrência na Delegacia de Itacaré, contra a família do mesmo, por ameaças, agressões verbais e prejuízos. O senhor Magaiver como é popularmente conhecido, disse que o problema com a propriedade da família é com o antigo dono da tal, que tambén ha vendeu uma parte.

1516806691116

“Recebir um enxurrada de mensagens nas minhas redes sociais, tanto de amigos meus preocupados com nós, quanto de amigos deles me ameaçando, tudo por causa de uma suposta ameaça sofrido pelo Alexis, pelo meu marido, não encontraram arma com meu marido, o horário da suposta ameaça não bate, meu marido tem testemunhas que estavam com ele pescando no forte”, declarou Cristiane.

Veja a nota na íntegra

Pensei muito antes de escrever este texto, o que mais me motivou foram os ataques e ameaças sofridos por quem segue o Alexis nas redes sociais.

Moro em Itacaré há 5 anos, sou natural de Itajuípe. Logo quando cheguei morei na cidade por 2 anos, há 3 moro num sitio a 8 km do centro de Itacaré. Minha rotina nesses últimos anos se divide entre a Faculdade e a minha casa.

Logo que passei a morar no sitio, no inicio era tudo normal, até a esta família descobrir que eu sou mulher do Roberto (Magaiver). Começaram os insultos, provocações e agressões verbais, coisas do tipo: vagabunda, macaca e palavras impublicáveis.

Demorei para entender o motivo de tanto ódio, porque eu não tenho problemas com ninguém em Itacaré. Meu marido não tem processo contra esta família na justiça, até porque meu marido não tem nada a ver com a venda do sitio, por que esta família comprou a propriedade deles em 2005  e meu marido adquiriu a propriedade dele em 2006.

Senhoras e Senhores, não temos pendência na justiça contra esta família. Porém, eles resolveram descontar seus problemas com o antigo dono do sitio em nós. São anos de perseguição, ele cortam nosso fio de energia, já chegamos a ficar uma semana sem luz em casa, perdemos tudo na geladeira, jogam pedras nos meus cachorros, olha que moro a 150 m de distância da entrada da casa deles.

Um belo dia, escuto meus cachorros latindo na cancela da minha casa, chegando lá o Alexis estava provocando com alguma coisa nas mãos, fui fotografar ele instigando meus cachorros, ele chamou o irmão dele pelo celular, o Mikael veio com um facão e uma barra de ferro me ameaçando, tomou o celular das minhas mãos e saíram correndo, eu dentro da minha propriedade, tive que chamar a polícia para reaver meu celular.

Outro dia o carro do meu marido estava estacionado em frente aos correios, o MIkael e o Alexis passaram na moto e quebrou o retrovisor do carro com os pés, temos testemunhas oculares. Eu Cristiane Santiago, sou o alvo preferido deles, porque sou mulher e aparentemente frágil,sempre que me encontra na rua,fazem questão de me ofender com palavras de baixo calão.

Prestem Atenção Senhoras e Senhores, o problema da propriedade não é comigo e nem meu marido, mais eles resolveram descontar em nós.

Recebir um enxurrada de mensagens nas minhas redes sociais, tanto de amigos meus preocupados com nós, quanto de amigos deles me ameaçando, tudo por causa de uma suposta ameaça sofrido pelo Alexis, pelo meu marido, não encontraram arma com meu marido, o horário da suposta ameaça não bate, meu marido tem testemunhas que estavam com ele pescando no forte.

Há 12 anos que este processo corre na justiça, mesmo assim sempre buscamos resolver tudo por via legal, fazemos B.O, registramos tudo, como deve ser. Se a 12 anos meu marido nunca perdeu a cabeça por disso, não será agora que o processo está em via de se encerrar que ele vai sujar as mãos.

Estou muito preocupada com o rumo que as coisas estão tomando, recebir inúmeros prints de comentários absurdos ao nosso respeito. Antes de os Juízes da Internet nos julgar culpado, procure saber a outra versão dos fatos, porque quem tem boca fala o que quer. Vamos deixar a justiça resolver tudo, esse será o único caminho que vamos sempre procurar.

Atenciosamente.

Cristiane Santiago

Roberto V Todorovic.

Fotografia dos Boletins de Ocorrência

img-20180124-wa0090 img-20180124-wa0089 img-20180124-wa0088 img-20180124-wa0087 img-20180124-wa0086 img-20180124-wa0085 img-20180124-wa0084 img-20180124-wa0083 img-20180124-wa0082

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *